20160809

A propósito do doutoramento honoris coisa do Guterres ou a feira do abat-jour (ver o vídeo)

                          
... para um momento de diversão estival

Numa destas ligações:

http://grazia-tanta.blogspot.pt/2016/08/a-proposito-do-doutoramento-honoris.html

http://pt.slideshare.net/durgarrai/a-propsito-do-doutoramento-honoris-coisa-do-guterres-ou-a-feira-do-abat-jour 

https://pt.scribd.com/document/320621191/A-proposito-do-doutoramento-honoris-coisa-do-Guterres-ou-a-feira-do-abat-jour

Este e outros textos em:


http://grazia-tanta.blogspot.com/                               

http://www.slideshare.net/durgarrai/documents

https://pt.scribd.com/uploads

20160728

SEGURANÇA SOCIAL DISPENSA PECHISBEQUE INTELECTUAL



Observando as notícias de um livro sobre a Segurança Social (SS) coordenado pelo conselheiro de estado Francisco Louçã; recordando um debate promovido em Lisboa, em 2015; e tendo em memória publicações da (também) comentadora da TV Raquel Varela, anos atrás, demonstra-se que a silly season é altura para vulgaridades e superficialidades. O que é pena, pois a grei teria beneficiado mais se a equipa tivesse aproveitado o seu tempo na praia. 

Em qualquer destas ligações:


Este e outros textos em:  

                             
http://www.slideshare.net/durgarrai/documents

 

https://pt.scribd.com/uploads

20160724

BAIL-IN OU BAIL-OUT; O MESMO BAILE, OUTRA MÚSICA



No bail-in, as perdas dos bancos são colmatadas à custa dos seus acionistas, obrigacionistas e grandes depositantes. No bail-out são os estados que se chegam à frente avançando com fundos públicos. Afinal, pretende-se apenas manter vivo e operante um sistema financeiro sobredimensionado e politicamente asfixiante.

Texto numa destas ligações: 

http://grazia-tanta.blogspot.pt/2016/07/bail-in-ou-bail-out-o-mesmo-baile-outra.html 

http://www.slideshare.net/durgarrai/bail-in-ou-bailout-o-mesmo-baile-outra-msica 

Este e outros textos em;

20160706

Eleições em Espanha – O medo venceu o tosco projeto social-democrata



Spinoza distinguiu a potentia, como capacidade de realização face a potestas, dominação. Pablo Iglésias e os seus iluminados amigos pretendem-se dignos da auctoritas para exercerem a potestas. Reacionarismo puro, nada de novo.

1 – Um pouco de História
2 - As eleições de junho em Espanha
   2.1 – Aumento da desafeição
   2.2 – As dificuldades do bipartidarismo não alteraram o regime
   2.3 – O Podemos, tentativa de integração autoritária do 15 M
3 - Como se constroem as alternativas


Em qualquer destas ligações:





Este e outros textos em: